domingo, 28 de agosto de 2016

No Campeonato Brasileiro da Serie B de 2016, na 21ª rodada - Vasco vacila de novo mas segue na ponta; Bahia e Náutico vencem e colam no G4





Carlos Augusto





O Vasco parece se esforçar para deixar a liderança, mas, apesar de ter chegado ao quarto jogo sem saber o que é vencer neste sábado, quando empatou com o vice-lanterna Tupi em Juíz de Fora por 2 a 2, o time carioca segue soberano na liderança da Série B do Campeonato Brasileiro.

Vasco chegou ao 4º jogo sem vencer, mas,
mesmo assim, segue na ponta da Série B
O empate, com gols do zagueiro campeão olímpico Luan e Andrezinho, de pênalti, deixou o Gigante da Colina com 41 pontos, quatro a mais que o Atlético-GO, vice-líder que derrotou o Brasil de Pelotas na casa do adversário na última terça-feira e encurtou em um ponto a diferença entre os dois times. 

Quem se deu bem na rodada foram dois times nordestinos: Bahia e Náutico. O primeiro venceu bem o Paraná em casa, na Arena Fonte Nova, por 3 a 0. O segundo derrotou o Vila Nova por 2 a 0 fora de casa, em Goiânia. A vitória elevou tanto baianos como pernambucanos aos 31 pontos, a três do CRB, último time dentro do G4. O Tricolor de Aço ocupa a 6ª posição, à frente do Timbu, 7º colocado, por ter saldo de gols superior (11 contra 8). Derrotados na rodada, o Vila Nova e Paraná somam 26 pontos cada e são 13º e 16º, respectivamente.

Tricolor de Aço derrota o Paraná na Fonte Nova
(Foto:Site Oficial do EC Bahia)
A rodada também foi boa para o Oeste. O time do interior paulista venceu o Paysandu pelo placar mínimo, deixou o adversário paraense para trás e subiu da 12ª para a 10ª posição, agora com 29 pontos, um a mais que o Papão, 12º colocado, o que mostra como está equilibrada a competição, com oscilações de todos os times.

No jogo que fechou a rodada, o Luverdense passou por cima do Bragantino em casa, no Passo das Emas, ao golear o adversário de Bragança por 4 a 0. Hugo, com três gols, foi o nome do jogo. A vitória fez com que o LEC saltasse três posições e agora ocupa a 11ª posição, com 28 pontos.

O Massa Bruta, por outro lado, é o primeiro dentro do Z4, com 21 pontos, em situação delicada, já que está a cinco pontos do Paraná, primeiro time fora da zona de rebaixamento, e assim, não deixou o Z4 na próxima rodada mesmo que vença e o Paraná perca.

Confira os resultados e os jogos da 21ª rodada:

Terça, dia 23 de agosto:
Sampaio Corrêa-MA 1 x 2 Avaí-SC (19:15) Castelão (MA)
Brasil-RS 0 x 1 Atlético-GO (20:30) Bento Freitas
Londrina-PR 0 x 1 Goiás-GO (21:30) Estádio do Café

Sexta, dia 26 de agosto:
Ceará-CE 1 x 1 CRB-AL (21:30) Castelão(CE)
Criciúma-SC 0 x 1 Joinville-SC (20:30) Heriberto Húlse

Sábado, dia 27 de agosto:
Oeste-SP 1 x 0 Paysandu-PA (16:00) Arena Barueri
Vila Nova-GO 0 x 2 Náutico-PE (16:30) OBA
Tupi-MG 2 x 2 Vasco da Gama-RJ (16:30) Municipal Juiz de Fora
Bahia-BA 3 x 0 Paraná-PR (18:30) Arena Fonte Nova
Luverdense-MT 4 x 0 Bragantino-SP (21:00) Passos das Emas

Veja como ficou a classificação:



Confira os jogos da 22ª rodada:

Segunda, 29 de agosto:
Atlético-GO x Ceará-CE (20:00) Serra Dourada

Terça, 30 de agosto:
Paysandu-PA x Tupi-MG (19:15) Mangueirão
Joinville-SC x Bahia-BA (19:15) Arena joinville
Paraná-PR x Sampaio Corrêa-MA (19:15) Durival Britto
Avaí-SC x Luverdense-MT (19:15) Ressacada
Náutico-PE x Londrina-PR (20:30) Arena Pernambuco
CRB-AL x Oeste-SP (20:30) Rei Pelé
Vasco da Gama-RJ x Vila Nova-GO (20:30) São Januário
Bragantino-SP x Brasil-RS (21:30) Nabi Abi Chedid
Goiás-GO x Criciúma-SC (21:30) Serra Dourada

Fonte:FI 

Na Formula Indy - Graham Rahal toma vitória de Hinchcliffe no Texas






Carlos Augusto







Graham-Rahal
Após 76 dias de espera, a Fórmula Indy retomou na noite deste sábado a etapa do Texas Motor Speedway, que passou a ser a 14ª de 2016. Em um final sensacional, a vitória ficou com Graham Rahal (Rahal Letterman Lanigan), primeira dele na temporada e quarta na categoria.

Quem dominou a corrida foi James Hinchcliffe (Schmidt Peterson), que também era o líder após as 71 voltas já disputadas em junho. O canadense, no entanto, perdeu sua vantagem e passou a ser ameaçado com a sequência de três bandeiras amarelas na parte final da prova.

Após a última relargada, a oito voltas do final, cinco pilotos estavam na briga pela liderança. Hélio Castroneves (Penske) ficou mais para trás e acabou em quinto, o último na volta do líder, mesmo após os reparos necessários devido ao acidente com Ed Carpenter na 225ª volta.

Rahal ganhou por meros 0s008 (Foto: Reprodução/TV)
Tony Kanaan (Ganassi), que vinha em segundo, aproveitou a última bandeira amarela para trocar pneus, assim como Simon Pagenaud (Penske) e Castroneves. Os dois primeiros foram para cima de Rahal e Hinchcliffe, propiciando disputas lado a lado até o final.

Quem apareceu na frente na última volta foi Rahal, que deixou Hinchcliffe em segundo. Kanaan foi terceiro e Pagenaud, com o quarto lugar, aumentou sua vantagem na liderança para Will Power (Penske), o oitavo.

O primeiro acidente da prova foi na 213ª volta, quando Scott Dixon (Ganassi) foi ao muro após fechada de Carpenter. O norte-americano foi a causa da segunda bandeira amarela, na 225ª. E na 233ª das 248 voltas, Mikhail Aleshin (Schmidt Peterson) rodou e Jack Hawksworth (AJ Foyt) acertou o muro.

A próxima parada da Fórmula Indy é o circuito de Watkins Glen, no próximo dia 4 de setembro.

Graham Rahal assumiu a liderança na última volta (Foto: Ralph Laurer/AFP)


Classificação da prova:

Graham Rahal
01 = Graham Rahal
02 = James Hinchcliffe 
03 = Tony Kanaan 
04 = Simon Pagenaud
05 = Helio Castroneves 
06 = Charlie Kimball 
07 = Carlos Munoz 
08 = Will Power 
09 = Juan Pablo Montoya 
10 = Sebastien Bourdais 
11 = Alexander Rossi 
12 = Marco Andretti
13 = Ryan Hunter-Reay 
14 = Gabby Chaves 
15 = Max Chilton 
16 = Mikhail Aleshin 
17 = Jack Hawksworth 
18 = Ed Carpenter 
19 = Scott Dixon 
20 = Takuma Sato 
21 = Conor Daly 
22 = Josef Newgarden

Classificação do campeonato após 14 de 16 etapas:

Simon Pagenaud
01 = Simon Pagenaud 529 
02 = Will Power 501 
03 = Tony Kanaan 416 
04 = Helio Castroneves 415
05 = Josef Newgarden 406 
06 = Scott Dixon 397 
07 = Graham Rahal 394 
08 = James Hinchcliffe 392 
09 = Carlos Munoz 382 
10 = Charlie Kimball 361
11 = Ryan Hunter-Reay 348 
12 = Alexander Rossi 346 
13 = Juan Pablo Montoya 345 
14 = Sebastien Bourdais 334 
15 = Mikhail Aleshin 301 
16 = Takuma Sato 275 
17 = Marco Andretti 273 
18 = Conor Daly 263 
19 = Max Chilton 2191
20 = Jack Hawksworth 191 

Fonte:www.autoracing.com.br
Fotos:Indy Car

No UFC on Fox 21 - Demian Maia finaliza ex-campeão interino sem dificuldades e promete aguardar luta pelo título






Carlos Augusto






Demian Maia fez tudo parecer fácil na noite deste sábado, em Vancouver, no Canadá. Sem dificuldades, precisou de apenas 1m52s para fazer toda a transição, pegar as costas e finalizar o ex-campeão interino da categoria dos meio-médios Carlos Condit com um belo mata-leão. Após a vitória, ele prometeu que vai aguardar o duelo entre o campeão Tyron Woodley e o desafiante Stephen Thompson, que se enfrentarão pelo cinturão, para aguardar sua chance de disputar o título da divisão.

Demian Maia (luvas vermelhas) venceu Carlos Condit por finalização a 1m52s do primeiro round

Para conquistar sua sexta vitória consecutiva na categoria dos meio-médios e provar que merece ser o próximo desafiante, Demian Maia apostou em seu temido jiu-jítsu. Rapidamente ele encurtou a distância, colocou Condit no chão e foi para as costas. A transição foi feita com facilidade, assim como o encaixe da posição. O brasileiro apenas apertou e esperou o norte-americano bater para confirmar mais uma vitória.

"Acho que são seis vitórias consecutivas, e este cara é um dos melhores lutadores do mundo, é um ex-campeão da categoria, nocauteia todo mundo. Tenho todo o respeito por ele, sabia que seria uma luta dura. Estou muito feliz e acho que agora enfim conquistei uma chance pelo título", comemorou o brasileiro, que prometeu esperar sua chance para lutar pelo cinturão.

Demian Maia comemora vitória sobre o norte-americano Carlos Condit por finalização a 1m52s do primeiro round

Já Carlos Condit, que estava muito confiante em mais uma chance de lutar pelo cinturão dos meio-médios (já foi derrotado por Georges St. Pierre e Robbie Lawler), só rasgou elogios ao brasileiro Demian Maia e disse não saber do seu futuro na organização.

“Tiro o chapéu para o Demian Maia, muito respeito a ele, ele tem muita habilidade como artista marcial. Quanto ao meu futuro, vamos ver, vou voltar à academia e conversar com meus companheiros e treinadores”, disse.

Anthony Pettis atropela Charles do Bronx e finaliza brasileiro em sua estreia entre os penas

Anthony Pettis encaixou linda guilhotina
para finalizar o brasileiro Charles do Bronx 
Anthony Pettis não poderia começar melhor sua trajetória na categoria dos penas. Depois de perder o cinturão dos leves e somar três derrotas consecutivas, ele desceu de divisão e estreou contra o perigoso brasileiro Charles do Bronx na edição do Ultimate em Vancouver. Depois de dominar na luta em pé, o 'Showtime' venceu na especialidade do paulista: uma guilhotina, no terceiro round, para espantar a fase ruim dentro do UFC.

Charles do Bronx tentou levar a luta para o chão durante todo o tempo para buscar a finalização. Pettis, bem treinado, estava atento a todos os movimentos do brasileiro. Num descuido do paulista no terceiro round, o 'Showtime' acabou pegando o pescoço do adversário para encaixar uma linda guilhotina e conquistar a 19ª vitória de sua carreira.

Mineiro Felipe Silva estreia no UFC com rápido nocaute sobre lutador canadense 

Mineiro Felipe Silva foi para cima de
Shane Campbell e não deu chances para
o canadense que lutava em casa
Durou pouco tempo a estreia do mineiro Felipe Silva no UFC. O lutador de 32 anos, natural de Juiz de Fora, precisou de apenas 73 segundos para vencer o canadense Shane Campbell, que lutava em casa, por nocaute técnico. Foi o oitavo combate da carreira do brasileiro, que soma oito vitórias, seis delas por nocaute.

Felipe entrou no octógono para decidir rapidamente o combate. O lutador mineiro encurtou a distância e foi para cima no canadense com joelhadas no clinche do muay thai. Campbel tentou se defender, mas o brasileiro levou o rival para a grande e encaixou um lindo gancho de esquerda. Shane caiu e foi massacrado no chão até a interrupção do árbitro John McCarthy. 

Confira os resultados do UFC on FOX 21

Card principal

Demian Maia venceu Carlos Condit por finalização a 1m52s do primeiro round
Anthony Pettis venceu Charles do Bronx por finalização a 1m49s do terceiro round
Paige VanZant venceu Bec Rawlings por nocaute aos 17s do segundo round
Jim Miller venceu Joe Lauzon por decisão dividida

Card preliminar

Sam Alvey venceu Kevin Casey por nocaute técnico aos 4m56s do segundo round
Kyle Bochniak venceu Enrique Barzola por decisão dividida
Alessio Di Chirico venceu Garreth McLellan por decisão dividida
Felipe Silva venceu Shane Campbell por nocaute técnico a 1m13s do primeiro round
Chad Laprise venceu Thibault Gouti por nocaute técnico a 1m36s do primeiro round
Jeremy Kennedy venceu Alex Ricci por decisão unânime 

Fonte:www.mg.superesportes.com.br
Fotos:UFC/Getty Images

sábado, 27 de agosto de 2016

Meninas da Sub-18 vencem Argentina, garantiu vaga na final do Sul-Americano e no mundial de 2017




Beat Reusser
A seleção brasileira feminina Sub-18 conseguiu a quarta vitória consecutiva no Sul-Americano da categoria, e avançou à final do torneio que acontece em Lima (PER). 

Neste sábado (27.08), pela semifinal, as meninas do Brasil levaram a melhor sobre a Argentina por 3 sets a 0 (25/18, 25/16 e 25/18), em 1h34 de jogo no ginásio Manuel Bonilla.

O bloqueio brasileiro foi fundamental no triunfo com 12 pontos neste fundamento contra apenas dois das adversárias. 

As ponteiras Julia Bergmann e Mariana Bambrilla se destacaram e, com 15 acertos cada uma, foram as maiores pontuadoras do confronto. O treinador do time verde e amarelo comemorou o bom resultado.

Com a chegada à final, o Brasil garantiu vaga no mundial da categoria em 2017, que acontecerá na Argentina. O time brasileiro também busca o décimo oitavo título e a manutenção da hegemonia continental. 

A grande decisão acontece neste domingo (28.08), às 21h05, contra o vencedor do confronto entre Peru e Colômbia.

Rodrigo Caio se lesiona e é cortado da seleção brasileira; Geromel é convocado




Beat Reusser
Mudança na seleção brasileira. Neste sábado, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) informou que o zagueiro Rodrigo Caio se lesionou durante treino do São Paulo e foi cortado da delegação que viaja para enfrentar Equador e Colômbia, pelas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018, em setembro.

Em seu lugar, foi convocado o zagueiro Pedro Geromel, do Grêmio. Será a estreia do gremista com a camisa do Brasil. Já Rodrigo Caio vinha em boa fase no time nacional, tendo sido titular na conquista do ouro olímpico.

Brasileirão - Série A 2016, 22ª Rodada




Beat Reusser
Corinthians perde da Ponte Preta, pode despencar na tabela

Com a possibilidade de igualar a pontuação do líder Palmeiras em caso de uma vitória, o Corinthians não entrou em campo na tarde deste sábado. Já a Ponte Preta aproveitou a péssima atuação do Timão, que teve Balbuena expulso aos 18 minutos do primeiro tempo, e venceu por 2 a 0 no Moisés Lucarelli. Com a derrota, o Timão tem que secar os adversários para não sair do G4 do Brasileirão. A equipe pode ser ultrapassada por Grêmio, Santos e Flamengo, que jogam neste domingo.

Mesmo quando tinha 11 jogadores em campo, o Corinthians sofria com as chegadas da Ponte. Antes dos dez minutos, Roger já havia perdido chance incrível na frente de Cássio. O centroavante, aliás, cansou de receber bolas em boas situações e se complicar. Mas redenção dele não demorou. Ainda no primeiro tempo, aproveitou hesitação de Pedro Henrique e Cássio após desvio em cruzamento para abrir o placar.

Se a situação já estava complicada para o Corinthians, o gol praticamente acabou com a esperança de conquistar ao menos um ponto em Campinas. Cristóvão Borges sacrificou Guilherme para recompor a zaga com Pedro Henrique. Com isso, Marquinhos Gabriel e Marlone ficaram responsáveis por puxar contra-ataques, mas não tiveram sucesso.

O Timão teve apenas uma finalização durante 90 minutos: aos seis, em chute sem perigo de Balbuena. Enquanto isso, a Ponte não parava de pressionar e ampliou no início do segundo tempo, com um golaço de Clayson. Vitória garantida para a Macaca, já que o Corinthians não mostrava o menor poder de reação.

Sem ameaça de Hamilton, Rosberg crava pole na Bélgica; Massa é 10º




Beat Reusser


Com Lewis Hamilton já ciente de que não conseguiria largar na primeira fila do grid para o Grande Prêmio da Bélgica, a 13ª etapa do Mundial de Fórmula 1, Nico Rosberg aproveitou e fez o melhor tempo do treino classificatório com sua Mercedes: 1min46s744. Líder do Mundial, Lewis Hamilton já entrou na pista sabendo que perderia 55 posições no grid por ter excedido o número de troca de motores. O britânico não forçou muito sua Mercedes e ficou com o penúltimo melhor tempo, não avançando ao Q2.

Hamilton largará na 22ª colocação, atras de Fernando Alonso, da McLaren, que recebeu uma punição de 35 posições e sairá da última posição na corrida de domingo. Mesmo sem o britânico, Rosberg quase ficou sem a pole position. Isso porque Max Verstappen, da Red Bull, ficou apenas a 0s149 da Mercedes do alemão e largará em segundo. Kimi Raikkonen, Sebastian Vettel e Daniel Ricciardo, respectivamente, completam o top 5 do grid de largada.

Felipe Massa fez um bom começo de treino. Ele terminou o Q1 com o melhor tempo, foi para o Q3, mas não fez uma boa volta em sua única tentativa e largará da 10ª colocação. Vivendo uma temporada desastrosa, Felipe Nasr parece ter começado bem na volta das férias da Fórmula 1. O brasileiro ficou muito próximo de avançar ao Q2, mas vai largar na 16ª colocação, à frente de seu companheiro de Sauber, Marcus Ericsson, que sai em 20º.

Lembrando que temos quatro pilotos que terão que pagar punições de grid: Lewis Hamilton 55, Fernando Alonso 35, Marcus Ericsson 10 e Esteban Gutierrez 5.

Na Formula Indy - É divulgado calendário da Temporada de 2017






Carlos Augusto







Temporada 2017 terá 17 etapas, sendo uma rodada dupla
A Fórmula Indy divulgou o calendário da temporada 2017 da categoria. A organização manteve a estrutura deste ano e a única novidade para a temporada do próximo ano é a inclusão do circuito oval de Gateway, que está de volta após 14 anos ausente.

No total serão seis etapas disputadas em ovais, seis em circuitos permanentes e outras cinco em circuitos de rua. Pelo sexto ano seguido, a temporada começará nas ruas de St. Petersburg, na Flórida, em prova marcada para o dia 12 de março. A etapa de encerramento acontecerá em Sonoma, na Califórnia, em 17 de setembro.

Assim como aconteceu neste ano, o circuito de Detroit voltará a receber a única rodada dupla da temporada. As provas estão marcadas para os dias 3 e 4 de junho.

A etapa de Gateway será a antepenúltima do calendário e está marcada para 26 de agosto. O circuito oval recebeu a Fórmula Indy inicialmente entre 1997 e 2003. No último ano da disputa, o pódio da prova foi todo brasileiro com Hélio Castroneves, da Penske, em primeiro lugar, seguido por Tony Kanaan e Gil de Ferran na terceira colocação.

"Acho sensacional que vamos voltar a Gateway. Pessoalmente gosto porque já venci lá e também porque corri pela Hogan (equipe extinta da Fórmula Indy que tinha sede em St. Louis, local da prova), então faz com que seja um lugar especial para mim", disse Helio Castroneves.

Confira o calendário 2017 da Fórmula Indy:

12/03 - St. Petersburg
09/04 - Long Beach
23/04 - Alabama
29/04 - Phoenix
13/05 – GP de Indianápolis
28/05 - 500 Milhas de Indianápolis
03/06 – Detroit – Corrida 1
04/06 - Detroit – Corrida 2
10/06 - Texas
25/06 - Road América
09/07 - Iowa
16/07 - Toronto
30/07 - Mid-Ohio
20/08 - Pocono
26/08 - Gateway
03/09 - Watkins Glen
17/09 - Sonoma

Fonte:esporte.band.uol.com.br
Foto:Indy Car

No Campeonato Brasileiro da Serie B de 2016, na 21ª rodada - Joinville vence clássico e confronto do G4 fica no empate





Carlos Augusto





Dois jogos deram sequência à 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro na noite desta sexta-feira. Em situação desesperadora na competição, o Joinville venceu o clássico contra o Criciúma enquanto Ceará e CRB ficaram no empate em confronto direto pelo G4.

Na primeira partida da noite, no Heriberto Hulse, em Criciúma, o time da casa foi derrotado pelo rival Joinville por 1 a 0, com gol de Jael. O resultado reanimou o Coelho que ainda está na zona do rebaixamento, mas sobe para a 18ª colocação com 21 pontos, quatro a menos do que o Luverdense, primeiro time fora da zona da degola e que ainda joga na rodada.

Apesar de fazer campanha fraca, o Joinville conseguiu importante vitória na casa do rival Criciúma

Mais tarde, o Ceará recebeu o CRB na Arena Castelão, em Fortaleza e ficou no empate. Os visitantes abriram o placar com Zé Carlo e o time da casa deixou tudo igual com gol de Bill. Com o 36 pontos, o Vozão é o terceiro colocado e segue com dois pontos a mais do que o CRB, em quarto. As duas equipes estão com as posições garantidas até o final da rodada já que seus principais concorrentes também já jogaram.

A rodada começou na terça-feira com três jogos, todos com vitórias dos visitantes. O Avaí bateu o Sampaio Corrêa por 2 a 1 no Castelão, o Atlético-GO venceu o Brasil de Pelotas por 1 a 0 no Bento Freita e o Goiás derrotou o Londrina também pelo placar mínimo no Estádio do Café. Neste sábado, outros cinco jogos fecham as disputas da 21ª rodada.

Confira os resultados e os jogos da 21ª rodada:

Terça, dia 23 de agosto:
Sampaio Corrêa-MA 1 x 2 Avaí-SC (19:15) Castelão (MA)
Brasil-RS 0 x 1 Atlético-GO (20:30) Bento Freitas
Londrina-PR 0 x 1 Goiás-GO (21:30) Estádio do Café

Sexta, dia 26 de agosto:
Ceará-CE 1 x 1 CRB-AL (21:30) Castelão(CE)
Criciúma-SC 0 x 1 Joinville-SC (20:30) Heriberto Húlse

Sábado, dia 27 de agosto:
Oeste-SP x Paysandu-PA (16:00) Arena Barueri
Vila Nova-GO x Náutico-PE (16:30) OBA
Tupi-MG x Vasco da Gama-RJ (16:30) Municipal Juiz de Fora
Bahia-BA x Paraná-PR (18:30) Arena Fonte Nova
Luverdense-MT x Bragantino-SP (21:00) Passos das Emas

Veja como ficou a classificação:



Fonte:FI

No UFC on Fox 21 - Charles do Bronx tem encarada 'quente' com ex-campeão em pesagem do UFC em Vancouver






Carlos Augusto






Protagonistas do UFC on Fox 21, Demian Maia e Carlos Condit tiveram encarada respeitosa na pesagem oficial do evento, nesta sexta-feira. Com isso, quem roubou a cena foi outro brasileiro, Charles do Bronx Oliveira. O paulista do Guarujá tentou intimidar o ex-campeão Anthony Pettis, que desceu dos leves para os penas, e transformou o ‘face off’ em momento de tensão, empolgando os fãs para o evento deste sábado, na Rogers Arena, em Vancouver.

Charles do Bronx (dir.) tentou intimidar Anthony Pettis, que prolongou a encarada: clima quente para a luta

A pesagem que valeu para os lutadores ocorreu na manhã desta sexta-feira, como vem ocorrendo nos eventos do UFC, que dá mais tempo para reidtratação e recuperação dos atletas. No período da tarde, o encontro foi válido para as tradicionais encaradas. Enquanto os protagonistas se respeitaram, Charles do Bronx e Anthony Pettis, que disputarão o coevento principal em Vancouver, deixaram os fãs entusiasmados com o clima ‘quente’.

Charles do Bronx pesou 64,8kg, abaixo do limite dos penas, enquanto Anthony Pettis alcançou 66,2kg. O norte-americano, ex-dono do cinturão dos leves, desceu de categoria para se recuperar. O brasileiro foi para cima e tentou intimidar, obrigando o Showtime a dar um passo para trás. O norte-americano não gostou e continuou encarando o paulista, em momento de tensão.

Protagonistas, Demian Maia e Carlos Condit se encaram com a guarda alta, mas em clima de respeito 

O duelo feminino também promete emoções. Paige VanZant, retornando ao octógono, quase encostou em Bec Rawlings, que não recuou e obrigou o matchmaker do UFC, Joe Silva, a manter a distância entre as atletas. A australiana não gostou muito da aproximação e continuou encarando a norte-americana por um tempo prolongado. VanZant, por sua vez, demonstrou certa indiferença com a reação da rival, procurando disfarçar o climão.

O UFC on Fox 21 perdeu um duelo por causa de doping. Adam Hunter chegou a bater o peso pela manhã, mas deixou o evento por ter sido flagrado em exame antidoping supervisionado pela USADA, parceira do UFC no controle dos atletas. O teste foi realizado em 11 de agosto. O canadense enfrentaria Ryan James nos duelos preliminares da noite em Vancouver.

Resultados da pesagem do UFC on Fox 21

Card principal

Demian Maia 77,5kg x Carlos Condit 77,3kg – MEIO-MÉDIOS
Charles Oliveira 64,8kg x Anthony Pettis 66,2kg – PESO PENA
Bec Rawlings 52,3kg x Paige VanZant 52,3kg – PESO PALHA
Joe Lauzon 70,7kg x Jim Miller 70,08kg – PESO LEVE

Card preliminar

Sam Alvey 84,3kg x Kevin Casey 84,1kg – PESO MÉDIO
Enrique Barzola 65,9kg x Kyle Bochniak 65,9kg – PESO PENA
Garreth McLellan 83,4kg x Alessio Di Chirico 83,9kg – PESO MÉDIO
Shane Campbell 70,7kg x Felipe Silva –70,1kg - PESO LEVE
Chad Laprise 72,1kg* x Thibault Gouti 70,7kg - PESO LEVE
Jeremy Kennedy 70,5kg x Alex Ricci 70,7kg – PESO LEVE

*Não conseguiu bater o peso e perdeu 20% da bolsa para o adversário

Fonte:www.mg.superesportes.com.br
Fotos:JeffBottari/Zuffa/Getty Images